FC Porto nunca teve dois expulsos na primeira parte

Nunca visto para os lados do Dragão. Bem se pode começar por aqui. Curioso? Depois do apito final de Cosme Machado, em Braga, o zerozero.pt entrou em campo e revisitou a história do emblema portista em busca de um cenário semelhante ao que se viveu na Pedreira, na última noite: duas expulsões ainda na primeira parte. A verdade é que nunca tal aconteceu.

Em 121 anos de história nunca dois jogadores do FC Porto foram expulsos nos primeiros 45 minutos de um jogo oficial. Cosme Machado, árbitro do duelo com os minhotos, entra assim para os registos azuis e brancos. Mas não só. O zerozero.pt descobriu também que quando confrontado com situações algo semelhantes, ou seja quando tem pelo menos dois jogadores expulsos no mesmo jogo e estando a vencer, o FC Porto faz “das tripas coração” e nunca perde.

Foram quatro as ocasiões em que os Dragões estavam a vencer e perderam dois jogadores. Nessas quatro situações, nenhum dos adversários derrubou o FC Porto que terminou esses duelos com a vitória ou, no mínimo, cedeu um empate.

A primeira vez na história que a equipa da Invicta foi confrontada com duas expulsões no mesmo duelo e terminou o jogo sem perder aconteceu diante do Benfica, em 1994, em partida da Supertaça. Bobby Robson era o treinador de uma equipa que tinha, entre outros, Vasili Kulkov, Ljubinko Drulovic, Emil Kostadinov, Rui Barros, Vítor Baía e Aloísio.

Três anos depois, em 1997, o FC Porto voltaria a ter dois jogadores expulsos num encontro para o campeonato contra o Estrela da Amadora mas também aí os Dragões não perderam. Artur e Sérgio Conceição foram expulsos do duelo que terminou empatado a duas bolas.

Lá por fora nas competições europeias, o FC Porto também teve um jogo em que viu dois dos seus atletas serem expulsos. A 21 de outubro de 2010, Maicon e Fernando foram expulsos frente ao Besiktas, na Turquia, mas os Dragões venceram o jogo por 1×3.

Agora, o FC Porto voltou a ser confrontado com nova situação em que ficou com nove em campo no mesmo encontro. Em Braga, na última noite, Diego Reyes e Evandro foram mais cedo para os balneários mas também aqui os Dragões não foram derrotados.

Fonte: zerozero.pt

Anúncios