«Este é um grupo responsável e com ambição» – Julen Lopetegui

O FC Porto recebe a Académica na quarta jornada do grupo D da Taça da Liga (quarta-feira, 20h45) com o objectivo de garantir uma posição nas meias-finais da competição e Julen Lopetegui espera “as dificuldades normais” por parte de uma equipa “que tem ambições próprias”. O basco deixou ainda reflexões sobre os primeiros treinos após a derrota na Madeira e assegurou que os adeptos podem estar descansados.

Em declarações exclusivas ao Porto Canal, o técnico recusou qualquer ideia de que a equipa possa estar abatida após a derrota na Madeira: «Aqui, depois de um jogo, a tristeza dura o que tem de durar. A equipa já está focada para o jogo com a Académica e para a competição. No futebol, há que saber que o mais importante de uma situação em que não conseguiste o teu objectivo é, no dia seguinte, levantares-te e focares a tua energia no objectivo que tens a seguir. É bom que haja outro jogo a meio da semana. Este é um grupo responsável, com muita ambição e, logo que passam as primeiras horas, a equipa já está absolutamente focada e concentrada para o jogo seguinte, neste caso com a Académica.»

O treinador assumiu que o adversário será bem diferente do que os Dragões, líderes do grupo D, com sete pontos (duas vitórias e um empate em três jogos), encontraram na 12.ª jornada da Liga: «É uma equipa melhorada do que aquela que encontrámos em Coimbra. Está num momento melhor no aspecto defensivo, mais agressiva e mais unida. Vêm motivados, jogam contra nós e têm a oportunidade de chegar às meias-finais. Também temos muita vontade de jogar a meia-final, para jogar novamente na Madeira e para lá chegarmos temos de vencer a Académica.»

A Académica está na terceira posição do grupo D (com três pontos em dois jogos) e, com dois encontros por disputar, ainda pode apurar-se para a fase seguinte, pelo que Julen Lopetegui abordou a partida com naturais reservas: «Esperamos as dificuldades normais de uma equipa que tem ambições próprias para chegar às meias-finais e temos de olhar para nós, para as nossas fortalezas, a nossa vontade e a nossa motivação, que tem de estar por cima de todas as dificuldades e tentar assegurar a passagem às meias-finais.»

Fonte: fcporto.pt

Anúncios