Andebol: Michal Kasal reforça hexacampeões

A equipa de andebol do FC Porto conta, desde esta terça-feira, com um novo jogador no plantel. Chama-se Michal Kasal, nasceu há 21 anos na República Checa e chega do RK Celje, da Eslovénia, depois de ter representado o FC Barcelona durante duas temporadas. O lateral-esquerdo, que esteve com a selecção checa no Campeonato do Mundo, no Catar, já treinou com os novos companheiros e as primeiras impressões não poderiam ser melhores.

“Todos conhecem o FC Porto. Tem uma estrutura muito profissional, muito parecida com a do Barcelona. Quando soube que vinha para cá, pesquisei informação e vi três jogos da equipa. Gostei muito, joga um andebol muito parecido com o espanhol, muito rápido”, afirmou o reforço dos hexacampeões nacionais, em declarações ao www.fcporto.pt e ao Porto Canal.

Natural da República Checa, onde nasceu a 4 de Março de 1994, Kasal não se destaca apenas pelos seus 2,09 metros, mas também pela capacidade de tiro. “Sou um jogador muito forte no remate de longe. Também estou habituado a defender, mas posso melhorar muito nesse aspecto e nos outros, em tudo. No Barcelona, cheguei a jogar na zona defensiva central, mas no Celje não participava muito no processo defensivo”, explica o novo dono da camisola número 41 dos Dragões.

Kasal joga na mesma posição ocupada por Gilberto Duarte, uma das referências da equipa portista, mas diz-se preparado para a luta. ”Não se pode jogar durante os 60 minutos todos e é por isso que todas as boas equipas têm dois jogadores para cada posição. É bom para a equipa haver competitividade no plantel”.

Apesar de jovem, Kasal já tem experiência europeia, tendo disputado alguns jogos na Challenge Cup, ao serviço do HC Zubri, uma das formações mais fortes da República Checa, onde o Barcelona o descobriu. Para além disso, disputou a actual edição da Liga dos Campeões pelo Celje, que ficou no quinto lugar do grupo C. Por isso, admite que o facto de o FC Porto participar na Taça EHF também pesou na sua decisão: “Todos os jogadores querem jogar nas competições europeias e sei que o clube tem como objectivo chegar à final four da prova”.

Fonte: fcporto.pt

Anúncios