Andebol: «Um clássico é decidido nos pormenores» – Ricardo Moreira

Um empate no clássico desta quarta-feira (21h00), na penúltima jornada da fase regular do Andebol, é suficiente para assegurar matematicamente o primeiro lugar, mas os hexacampeões nacionais querem vencer o Sporting e manter a tradição no Dragão Caixa: nos dez jogos contra os leões disputados no pavilhão desde a inauguração, em 2009, os azuis e brancos somaram nove vitórias e cederam apenas um empate, na época anterior. Mas as estatísticas não ganham jogos e Ricardo Moreira recorda o equilíbrio que dominou os dois duelos já realizados nesta temporada.

“É verdade que o Sporting nunca ganhou aqui no Dragão, apenas por uma vez empatou, mas é uma equipa com muito valor. Basta lembrar que na Supertaça e no jogo da primeira volta ganhámos por um golo. Estes jogos são sempre muito disputados e, normalmente, decidem-se nos pormenores”, afirma o capitão do FC Porto, em declarações ao www.fcporto.pt e ao Porto Canal.

Apesar de o empate bastar para cumprir o primeiro objectivo no campeonato, os portistas (líderes do campeonato, com mais quatro pontos do que os lisboetas, segundos) não pensam noutro resultado que não seja a vitória para garantirem a vantagem do factor casa no playoff. “Queremos garantir já o primeiro lugar e nada melhor do que uma vitória sobre o Sporting. A história diz-nos que sempre que disputamso em casa jogos decisivos, normalmente ganhamos. Decidir em casa o último jogo da final é uma vantagem teórica, sim, mas a nós diz-nos muito; temos sido felizes e esperamos que assim continuemos”.

Caso FC Porto e Sporting mantenham as posições na tabela no fim da fase de regular, só poderão voltar a encontrar-se na final do playoff. Mas até lá, frisa Ricardo Moreira, há ainda muito caminho para percorrer, até porque a próxima fase “tem a particularidade de, por vezes, nos reservar algumas surpresas e nem sempre o primeiro e o segundo classificados da fase regular se encontram na final”.

Fonte: fcporto.pt

Anúncios