Andebol: «Vamos fazer tudo para conquistar a vitória» – Nuno Roque

O FC Porto desloca-se, este domingo, à Dinamarca para defrontar o Skjern, em jogo da segunda jornada da Taça EHF (14h00, Porto Canal). A equipa dinamarquesa venceu na primeira jornada o Vojvodina (25-23) e lidera por isso o grupo C, a par do Füchse Berlim, com dois pontos. O clube fundado em 1992 ocupa, no seu campeonato, a sexta posição e já tem no currículo um título de campeão nacional e duas taças Challenge. Os Dragões estão avisados para a valia do adversário, cujo plantel é constituído apenas por jogadores daquele país, mas Nuno Roque garante que tudo farão para sair com um triunfo do Skjern Bank Arena.

“Sabemos que é uma equipa que está habituada a jogar na Europa, que tem qualidade e é agressiva, mas nós também temos o nosso valor e queremos mostrar na Europa que somos uma equipa que sabe jogar. Vamos fazer tudo para conquistar a vitória”, afirmou o central portista, em declarações ao www.fcporto.pt e ao Porto Canal.

O número 26 do FC Porto tem consciência da dificuldade do desafio que os Dragões estão a preparar com todo o cuidado, de forma a evitar os erros cometidos na partida da primeira jornada, com o Füchse Berlim. “Não podemos cometer tantas falhas técnicas como fizemos no jogo contra os alemães e temos que estar bem defensivamente e, principalmente, eficazes no ataque”, sublinhou Nuno Roque.

Fonte: fcporto.pt

Hóquei em patins: «Temos de ser sérios e estar concentrados» – Ricardo Barreiros

Depois de uma eliminação prematura da Taça de Portugal, o FC Porto Fidelidade volta a centrar atenções no campeonato, que reserva uma recepção ao CD Póvoa, na 19.ª jornada da prova, este sábado, às 15h00, no Dragão Caixa. Na antevisão do desafio com os poveiros, Ricardo Barreiros destacou a capacidade portista para reagir à adversidade e “convidou” os adeptos a ajudar a equipa a regressar às vitórias já no “próximo jogo”.

“Estamos habituados a reagir em força nos momentos menos bons e temos trabalhado bem esta semana, pelo que estamos confiantes de que vamos regressar às vitórias no próximo jogo. É importante voltarmos a casa e sentirmos o carinho dos nossos adeptos e também por isso estamos muito motivados para voltarmos a vencer, independentemente do adversário que teremos pela frente. Temos de ser sérios e estar concentrados”, afirmou, ao Porto Canal e www.fcporto.pt, o avançado dos Dragões, segundos classificados, a três pontos do primeiro lugar, ocupado pelo Benfica.

Frente ao 14.º e último classificado, Ricardo Barreiros apela a uma entrada forte e a uma exibição “com muita entrega e dedicação”, até porque a margem de erro é cada vez mais diminuta. “Como vimos de um resultado menos bom, é natural que queiramos ainda mais entrar forte e resolver o jogo o mais rápido possível. Neste momento, não queremos nem podemos facilitar em nada e só pensamos em vencer, sabendo que teremos de jogar com muita entrega e dedicação, características intrínsecas a esta equipa. Contamos com o apoio dos nossos adeptos, como sempre acontece em nossa casa. Com eles, somos sempre mais fortes”, acrescentou Ricardo Barreiros.

O jogo entre FC Porto Fidelidade e CD Póvoa, da 19.ª jornada do Campeonato nacional, disputa-se este sábado, às 15h00, no Dragão Caixa, e terá transmissão em directo no Porto Canal. Pode consultar aqui os preços e locais de venda dos bilhetes para este encontro.

Fonte: fcporto.pt

Basquetebol: «O Atlético joga com muita intensidade» – Diogo Brito

Líder absoluto da Proliga, com um registo 100 por cento vitorioso, o Dragon Force recebe o Atlético, este sábado, às 17h30, em jogo referente à 17.ª jornada da fase regular. Em mais um desafio ao percurso perfeito dos portistas, Diogo Brito recordou a experiência do próximo adversário dos Dragões e garantiu que a vantagem reflectida na tabela não levará a qualquer tipo de relaxamento no que falta jogar antes dos Playoffs.

“Já defrontámos o Atlético por duas vezes esta temporada e em ambas estivemos a vencer por diferenças grandes, mas esta equipa caracteriza-se também por fazer boas recuperações, pelo que já estamos alertados para isso. O Atlético tem uma equipa experiente e joga com muita intensidade, sobretudo a nível defensivo. Acredito que vai ser um encontro complicado, mas estamos preparados e queremos somar mais uma vitória”, declarou o jovem extremo/poste azul e branco, ao Porto Canal e www.fcporto.pt, perspectivando o duelo frente ao actual oitavo classificado.

Com três vitórias à maior sobre o Eléctrico FC e cinco jogos para disputar, Diogo Brito dá voz à ambição portista para as jornadas restantes. “Não sei se seria preciso ou não uma catástrofe, mas a realidade é que será muito difícil tirarem-nos a liderança, até porque temos o objectivo de vencer todos os jogos que restam na fase regular. Não podemos deixar fugir o primeiro lugar nesta recta final. Temos uma boa vantagem sobre o segundo classificado e vamos trabalhar para a manter ou aumentar. Não vamos relaxar um segundo que seja”, assegurou o camisola seis.

O jogo entre Dragon Force e Atlético, da 17.ª jornada da Proliga, disputa-se este sábado, às 17h30, no Dragão Caixa, e terá transmissão em directo no Porto Canal.

Fonte: fcporto.pt

Natação: Dragões vencem Meeting da Póvoa de Varzim

O FC Porto venceu este domingo o VI Meeting Internacional da Póvoa de Varzim 2015, disputado ao longo do fim-de-semana, ainda que não tenha contado com oito elementos da equipa sénior. O colectivo portista acumulou 629 pontos, superando os 577 do Famalicão e os 517 do Sporting de Braga, segundo e terceiro classificados, respectivamente.

O FC Porto foi também líder do medalheiro, contabilizando 13 medalhas, duas das quais de ouro, através das vitórias individuais da sénior Paula Oliveira, nos 50 metros bruços, e da juvenil Maria Francisca Cabral, nos 200 metros livres.

Fonte: fcporto.pt

Basquetebol: Dragon Force com vitória folgada em Guifões

O Dragon Force venceu este sábado o Guifões (103-55), no Pavilhão Municipal de Guifões, em Matosinhos, na 16.ª jornada da Proliga, competição que os azuis e brancos lideram isolados, cotando-se como a única equipa que até ao momento soma por vitórias todos os jogos disputados. São já 15 os triunfos consecutivos dos portistas, que continuam a demonstrar toda a sua superioridade face aos demais adversários.

Frente ao último classificado à entrada para esta ronda, os azuis e brancos entraram a todo o gás e realizaram um primeiro período absolutamente avassalador (29-8), partindo para um triunfo inequívoco e cujos números finais falam por si. Miguel Queiroz (24 pontos) (na foto) e Pedro Bastos (14 pontos) foram os elementos mais inspirados no colectivo portista, que na próxima jornada recebe o Atlético, no Dragão Caixa, no dia 21 de Fevereiro, às 17h30.

Devido a problemas informáticos ocorridos durante o jogo, relacionados com o recinto, não nos é possível apresentar a ficha completa deste jogo.

Fonte: fcporto.pt

Andebol: «O nosso sonho é passar aos quartos» – Ljubomir Obradovic

No final do encontro frente ao Füchse Berlim, Ljubomir Obradovic era um treinador conformado, que destacou a maior experiência do adversário alemão, que triunfou no Dragão Caixa por 26-20, na primeira jornada do grupo C da Taça EHF. Porém, o sérvio não deixou de apontar erros da própria equipa e deixou uma mensagem de esperança. “O nosso sonho é passar aos quartos-de-final, mas não será fácil. Hoje quase todos os adversários tinham mais de 30 anos e carreiras espectaculares nas respectivas selecções. O Miguel Martins tem 17 anos. Temos de aprender a jogar com eles e vamos ganhar mais experiência”, garantiu.

Para ultrapassar um grupo em que também estão os sérvios do Vojvodina e os dinamarqueses do Skjern (próximo adversário dos Dragões, a 22 de Fevereiro, às 14h00 de Portugal Continental), o técnico promete estudo dos erros cometidos este sábado: “Vamos em frente, de cabeça levantada. Na segunda-feira vamos ver o jogo, analisar e falar sobre como o preparamos, o que correu bem e mal”. Obradovic elogiou os adversários Nenadic – “quando entrou fez logo a diferença, marcou golos e fez jogar” – e Jaszka e frisou o facto de o Füchse estar inserido na ultracompetitiva Liga alemã.

O treinador reconheceu que os Dragões estiveram bem nos primeiros 20 minutos, mas mesmo aí o FC Porto “não aproveitou todas as oportunidades” e, depois, faltaram “os outros 40 minutos”. “Este ano estamos a construi uma equipa nova, com menos experiência do que a do ano passado. Sabíamos que este guarda-redes defende a meia-altura e praticamente todas as bolas que defendeu foram aí. O mau remate dos nossos jogadores não é mérito dele. Claro que este tipo de jogos pesa um pouco na cabeça dos atletas, que se querem mostrar”, declarou.

Fonte: fcporto.pt

Andebol: Raposas alemãs foram mais matreiras do que os Dragões

O FC Porto iniciou a sua participação no grupo C da Taça EHF com uma derrota caseira frente aos alemães do Füchse Berlim (20-26). O actual detentor da Taça da Alemanha, que tem as raposas no emblema e na designação, fez valer a sua maior experiência (inclui no plantel internacionais de vários países) e contou com uma extraordinária exibição do guarda-redes checo Stochl, que efectuou 19 defesas, 14 delas na segunda parte. Isto depois de os Dragões até terem iniciado melhor a partida.

O melhor começo do FC Porto forçou o treinador Sigurdsson a pedir um time-out aos 11 minutos, quando os Dragões venciam por 6-3. A formação alemã pareceu não estar preparada para o que a esperava, sofreu com a defesa agressiva dos portistas e cometeu uma série de falhas técnicas. Talvez os azuis e brancos tenham perdido nestes momentos iniciais a oportunidade de supreender o adversário e cavar uma vantagem considerável.

Isto porque o Füchse não tardou a responder. Com o central sérvio Nenadic em grande plano (cinco golos no primeiro tempo, seis no total) e com a subida de rendimento do guarda-redes Stochl (que defendeu também um livre de sete metros de Ricardo Moreira), os alemães fizeram com que os Dragões não marcassem durante sete minutos e impuseram um parcial de 9-4 na segunda metade da primeira parte. O resultado ao intervalo (12-14) demonstrava a maior eficência de remate alemã (67 por cento contra 55 do FC Porto).

Na segunda parte, Stochl continuou a dar espectáculo, com uma série de grandes defesas, que foram demonstrando à equipa azul e branca e às bancadas (em que também se encontrava uma falange de apoio de algumas dezenas de alemães) que ultrapassar o Füchse seria tarefa complicada. Os berlinenses dominavam o encontro a partir da defesa, graças à acção de torres como Pavel Horak, que se motivavam a cada bloco que efectuavam.

O Füchse aumentou a vantagem no arranque da segunda metade até aos cinco golos (14-19, aos 41 minutos) e soube depois tirar partido das defesas de Stochl para gerir o resultado, num período do encontro em que se marcaram poucos golos. Na recta final, e face a algum desnorte e cansaço dos azuis e brancos, a formação de Berlim aumentou o fosso até aos seis golos.

O FC Porto desloca-se, na segunda jornada do grupo C, ao pavilhão dos dinamarqueses do Skjern (22 de Fevereiro, 14h00 de Portugal Continental). No agrupamento estão ainda os sérvios do Vojvodina.

FICHA DE JOGO

FC PORTO-FÜCHSE BERLIM, 20-26
Taça EHF, grupo C, 1.ª jornada
14 de Fevereiro de 2015
Dragão Caixa, no Porto

Árbitros: Jure Cvetko e Brstin Kavalar (Eslovénia)

FC PORTO: Alfredo Quintana (g.r.); Gilberto Duarte (4), João Ferraz (4), Daymaro Salina (3), Alexis Hernandez (2), Ricardo Moreira e Mick Schubert (1)
Jogaram ainda: Michal Kasal (2), Miguel Martins (1), Yoel Cuni Morales, Nuno Roque (2), Wesley Freitas, Hugo Santos (1)
Treinador: Ljubomir Obradovic

FÜCHSE BERLIM: Petr Stochl (g.r.), Mattias Zachrisson (2), Bartlomiej Jaszka (1), Konstantin Igropulo (2), Jesper Nielsen (1), Fredrik Petersen (4) e Paul Drux (2)
Jogaram ainda: Petar Nenadic (6), Evgeni Pevnov (5), Pavel Horak (2), Iker Romero (1), Willy Weyhrauch e Sebastian Brand (g.r.)
Treinador: Dagur Sigurdsson

Ao intervalo: 12-14

Fonte: fcporto.pt